Fechar
Página inicial Destaques Notícias Inbatec divulga projetos selecionados no Edital 001/2011

Inbatec divulga projetos selecionados no Edital 001/2011

Escrito por Flavinha Reis|DGTI | Publicado em 16/05/11 10:52 , Atualizado em 21/01/22 16:49 | Acessos: 211

A Incubadora de Empresas de Base Tecnológica da UFLA, Inbatec, divulga o resultado final do processo seletivo para ingresso em seu Programa de Incubação, referente ao Edital 001/2011. Foram classificados nove projetos de base tecnológica, cujos empreendedores serão convocados para ocupação das vagas nas datas previstas no Edital.

A Inbatec faz parte de um amplo programa de inovação, cujo objetivo é apoiar as iniciativas empreendedoras, de modo a ampliar a transferência de tecnologia e o incentivo à sua aplicabilidade. As incubadoras promovem as condições técnica, gerencial, administrativa e de infraestrutura para amparar o pequeno empreendedor e a promoção do desenvolvimento regional.

Na avaliação do coordenador da Inbatec, professor Wilson Magela, a incubadora da UFLA nasce forte porque vem suprir uma demanda antiga para amparar projetos inovadores com grande potencial de mercado. “Nasce forte por selecionar os projetos mais convincentes e os empreendedores mais persistentes. Havia na Universidade uma demanda por empreender.”, ressalta.

O Programa de Incentivo à Inovação da UFLA (PII), iniciativa pioneira no Estado, serviu de preparação e fortalecimento para cinco dos projetos aprovados, demonstrando a capacitação dos empreendedores que tiveram seus planos de negócios selecionados. Quatro desses profissionais também já passaram pela experiência do Programa Primeira Empresa (Prime), da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), o que enriquece os projetos e ampliam a viabilidade técnica das tecnologias que serão desenvolvidas com o apoio da Inbatec.

“A incubadora é o teste de mercado”, reforça Magela, afirmando que há o potencial para empreendimentos de sucesso. “A UFLA vive um momento oportuno e histórico. Consolidar a área de inovação é conduzir a Universidade à outra etapa, passando a fixar aqui a mão de obra e o conhecimento gerado”, enfatiza Magela.